Rappin Hood

 

Antonio Luiz Junior, o “Rappin' Hood‟‟, foi criado na Vila Arapuá, zona sul da cidade de São Paulo.

É conhecido pelo estilo exclusivo, que une o rap com o samba, duas vertentes musicais que representam a voz das periferias.
Sua identificação com o samba vem de berço. Rappin Hood frequentava rodas de samba e seus amigos pediam para cantar; como naquele momento, não tinha DJ e na falta de uma batida de rap, improvisava, em cima da levada do samba. Essa forma inovadora de casar o rap com o samba começou daí.
Com o tempo, foi se aprimorando em rimar em cima da cadência do samba. Fazendo do rap algo mais aceitável pela população.

Hoje ele é reconhecido nacionalmente pelo seu estilo „‟inovador‟‟ de fazer de suas composições melodias e transmitir uma mensagem reflexiva.

Subiu no palco pela 1° vez no Dinos Club em São Caetano do Sul. Porém sua carreira começou em 1989, quando ganhou um campeonato de rap, no salão Viola de Ouro. Em 1990, formou o grupo Possemente Zulu, um dos principais grupos de rap ao lado do Racionais Mcs. Em 2001, lançou seu primeiro disco solo: Sujeito Homem 1. Ainda nesse ano criou e apresentou o programa “Rap Du Bom”, na 105 FM. O programa está no ar até hoje, todos os sábados.

Em 2005 lançou o 2° disco solo: Sujeito Homem 2. Os 2 (dois) cds foram discos de ouro com mais de 100 mil cópias vendidas cada um, ambos pela gravadora Trama.

 

Siga o Artista


 

 
 
voltar
 
 
 
© 2017 CASIO BRASIL COMÉRCIO DE PRODUTOS ELETRÔNICOS LTDA